Por pbagora.com.br

A prefeitura de Lucena, no Litoral Norte paraibano, vai restringir a entrada de turistas a partir deste fim de semana como forma de evitar o avanço do novo coronavírus na cidade. A medida foi anunciada pelo prefeito Léo Bandeira após a publicação de uma Medida Provisória do governo do Estado que antecipou três feriados e instituiu um feriado excepcional na próxima segunda-feira (29), e é válida até o domingo (4).

O objetivo, segundo Léo Bandeira, é evitar que a cidade receba um grande fluxo de turistas nesse período em função do feriadão no estado. O gestor lembrou que o momento exige que as pessoas redobrem os cuidados, mantenham o isolamento social, e só saiam de casa, caso realmente seja necessário.

Léo Bandeira disse que o município instalará barreiras sanitárias em pontos estratégicos, onde equipes estarão a postos para impedir a entrada de pessoas que não morem no município. Ele explicou que para adentrar à cidade será necessário apresentar um comprovante de residência ou contrato de locação, desde que não seja em imóveis para veraneio. “Estamos tomando essas medidas amargas, pois o momento que estamos vivendo exige de todos nós responsabilidade e zelo com a vida das pessoas. Esperamos a colaboração de todos para que o mais breve possível possamos voltar às nossas atividades normais e receber a todos de braços abertos”, disse.

O prefeito disse ainda diversas secretarias estarão envolvidas na ação, assim como na conscientização dos moradores quanto ao uso de máscaras, álcool a 70% e a necessidade do distanciamento social.

 

 

Notícias relacionadas

Prefeitura de Bananeiras realiza drive-thru noturno para acelerar vacinação

O prefeito de Bananeiras, Matheus Bezerra, publicou em suas redes sociais foto recebendo vacinas na tarde da última sexta-feira, por volta das 16:00, na gerência de saúde localizada no município…

Novos contratos da EMLUR garantem economia de quase R$ 10 milhões para PMJP

As duas empresas que assumem a partir desta semana a coleta de lixo em João Pessoa vão garantir uma economia de R$ 9,4 milhões ao erário nos 6 meses do…