Por pbagora.com.br

A Gerência de Vigilância Sanitária do município de Campina Grande realizou duas grandes ações nesta quinta-feira, 14. Pela manhã, a Gevisa fiscalizou lanchonetes das áreas centrais da cidade e à tarde os fiscais visitaram as casas de abrigo de idosos do município.

Nas lanchonetes, a Gevisa notificou os proprietários que estão funcionando com atendimento presencial para funcionarem apenas com o sistema de delivery ou retirada no balcão. Assim, aquelas que estavam operando com mesas e cadeiras para recebimento de clientes foram orientadas a retirarem as mesas e fazerem apenas a venda dos produtos.

Nos abrigos de idosos, a Gevisa realizou a vistoria conforme o trabalho que já vem sendo realizado desde o início da pandemia, inclusive com o acompanhamento do Ministério Público. A fiscalização visa ao cumprimento das normas para proteger os idosos do coronavírus, já que fazem parte do grupo de risco.

“Felizmente, todos estão cumprindo todas as orientações, oferecendo Equipamentos de Proteção Individual aos funcionários, fazendo a higienização com álcool gel dos espaços e, em função disso, nenhum estabelecimento apresentou idoso com síndrome gripal”, disse a Gerente da Gevisa, Betânia Araújo.

A Secretaria Municipal de Saúde segue realizando outras atividades de fiscalização e orientação em institutos, estabelecimentos, serviços de saúde e empresas de Campina Grande.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Covid: taxa de ocupação de leitos cresce 17% na Região Metropolitana de João Pessoa

A taxa de ocupação de leitos destinados a pacientes diagnosticados com covid-19 voltou a subir na Região Metropolitana de João Pessoa no mês de outubro. No dia 30 de setembro,…

Encerra sexta-feira prazo para comprovação de isenção do IPVA

O prazo para os contribuintes entregarem pessoalmente ou enviarem os documentos e, assim, garantirem a isenção do IPVA (Imposto sobre Propriedade Veicular e Automotores), do exercício de 2020, termina na…