Por pbagora.com.br

O Prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB), inaugurou na manhã desta segunda-feira (28), a nova estrutura do Restaurante Popular que funciona no Parque Solon de Lucena, no Centro da capital. O equipamento, que serve mil refeições por dia ao preço de 1 real, teve seus acentos ampliados com 66 lugares, passando a dispor de 200 cadeiras. Os antigos sanitários foram reformados e dois novos foram construídos para atender pessoas com deficiência.

Segundo Ricardo Coutinho, essa é mais uma ação articulada com a política de segurança alimentar, que a prefeitura vem desenvolvendo na capital. “Outras ações vem sendo desenvolvidas para promover uma melhor qualidade alimentar da população mais carente de João Pessoa, como a instalação de cozinhas comunitárias e o banco de alimentos”, frisou. Na solenidade, ele anunciou a inauguração do Restaurante Popular de Mangabeira para fevereiro de 2010.

Ricardo falou aos idosos presentes e anunciou também o lançamento da nova linha de crédito do programa Empreender-JP 50+ para o dia 1º de outubro, data em que é comemorado o dia mundial do idoso. “As pessoas com mais de 50 anos, que tem uma profissão, vão ter uma oportunidade de criar seu próprio negócio e melhorar sua renda. A nossa gestão tem um profundo respeito com essas pessoas que já contribuíram tanto com o seu trabalho”, ressaltou. O restaurante popular atende cerca de 300 idosos por dia.

Para a aposentada Josefa Soares, 79 anos, que almoça todos os dias no restaurante, a ampliação será ótima, pois outras pessoas poderão ser atendidas. “O almoço é uma delícia e eu gasto muito pouco aqui e o dinheirinho que sobra da minha aposentadoria eu faço outras coisas”, comemorou.

Já para o comerciário Henrique Lima, que usa o serviço há quase um ano, a comida é boa e o preço justo. “Se eu fosse almoçar em um restaurante convencional o mínimo que eu iria gastar seria cinco reais por dia, aí meu salário não iria dar para nada. Aqui eu me alimento bem e por muito pouco”, frisou.

A diretora de Economia Solidária e Segurança Alimentar e Nutricional (Direcosan) da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), Yara Pond, falou da importância desse trabalho e explicou que o objetivo é melhorar a qualidade do atendimento à população pelo Restaurante Popular e fortalecer a política de Segurança Alimentar e Nutricional na capital. “A fome é um problema mundial e precisamos combater esse mal. Sem alimentação, uma nação não pode se desenvolver, ela trava o desenvolvimento intelectual do ser humano e causa doenças graves”, ressaltou.

O Restaurante Popular, que atende em sua maioria idosos, moradores de rua e comerciários, é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de João Pessoa (PMJP) e a Coan – Alimentação e Serviços. Ele possui 23 funcionários, está aberto de segunda a sexta-feira, a partir das 11h, e serve mil refeições por dia, com o valor nutricional de 1.400 calorias. Também são oferecidos suco e sobremesa.

 

Secom

Notícias relacionadas

Polícia apreende aves silvestres na feira Central de Campina Grande

Policiais da 2ª Companhia de Polícia Ambiental apreenderam, na manhã deste sábado (15), 14 aves silvestres, durante fiscalização na Feira Central, no Centro da cidade de Campina Grande. A fiscalização…

Juliette diz que será sua própria empresária e que não gastou nada do prêmio

A campeã do Big Brother Brasil 21, Juliette Freire, fez ontem, sábado (15) sua primeira aparição ao vivo para os seus “cactos”. Ela conversou com eles por quase duas horas…