O governador da Paraíba, João Azevêdo, e o deputado estadual, Wilson Filho,  receberão, no próximo sábado (25), o título de ‘Cidadão Soledadense’. A outorga da honraria foi aprovada pela Câmara Municipal de Soledade, na sessão desta segunda-feira (20). Os títulos serão entregues no mesmo dia em que o Governo do Estado realiza em Soledade, a plenária do Orçamento Democrático, programada para acontecer a partir das 16h, no Ginásio da escola estadual Dr. Trajano Nóbrega. A propositura do governador foi da bancada governista e a do deputado iniciativa do vereador Osório Policarpo Neto.

A outorga do título ao governador, aprovado por unanimidade na Casa, segundo justifica o Projeto de Decreto Legislativo Nº 003/2019, se deu em reconhecimento aos relevantes serviços prestados pelo governador ao município. A mesma justificativa se aplica ao Decreto Nº 004/2019 que outorga a mesma honraria ao deputado estadual Wilson Filho, o mais bem votado parlamentar para a ALPB no município.

Para o prefeito Geraldo Moura, a iniciativa da Câmara foi bem oportuna e justa. “O Poder Legislativo de Soledade reconhece com essa atitude a importante contribuição do governador e do deputado com o desenvolvimento de Soledade”, disse o prefeito, lembrando que Wilson Filho, quando era deputado federal destinou recursos, através de emendas, para importantes obras no município e que o governador, apesar de estar somete há cinco meses no cargo, já destinou recursos para ações no município e acena com mais investimentos.

 

 

Redação 

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ivonete Ludgério inicia tratamento por conta de síndrome, mas descarta licença

A presidente da Câmara Municipal de Campina Grande, vereadora Ivonete Ludgério (PSD), anunciou que foi diagnosticada com uma síndrome vasoconstrição cerebral reversível,, e que seguirá com um tratamento específico orientado…

Ministra Damares anuncia canal para denunciar professores

A ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou na última segunda-feira (18), em Belo Horizonte, que o governo federal vai criar um canal para que pais de alunos possam reclamar…