O governador João Azevêdo foi destaque na TV China Central Television (CCTV), oportunidade em que apresentou as potencialidades da Paraíba e as oportunidades de negócios geradas pelo Estado, a exemplo do projeto para a instalação do estaleiro para reparos navais no município de Lucena e para a ampliação do Porto de Cabedelo. Na entrevista à emissora chinesa, o gestor paraibano também ressaltou o potencial da Paraíba na geração de energias alternativas.

“As potencialidades do nosso Estado são muito grandes, principalmente, na geração de energias alternativas, como a eólica e solar. Nós temos a possibilidade muito grande de receber investimentos para a construção de um estaleiro para reparos de navios e para a ampliação do Porto de Cabedelo”, destacou João Azevêdo à CCTV, que possui uma rede de 50 canais e é assistida por mais de um bilhão de telespectadores.

Nessa terça-feira (12), o chefe do Executivo estadual manteve reunião com representantes da Communications Construction Company Ltd. (CCCC), empresa multinacional de engenharia envolvida em projetos de construção e operação de ativos de infraestrutura, ocasião em que apresentou aos investidores chineses os projetos para implantação do estaleiro para reparos navais no município de Lucena e do Polo Turístico Cabo Branco e destacou as ações do Governo para manter a solidez fiscal e investimentos na Paraíba.

Confira a entrevista clicando AQUI. (Para assistir ao vídeo, é preciso baixar o programa Adobe Flash Player)

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Secretário acredita em acordo com entidades para evitar greve das polícias

Em meio a possibilidade de uma greve das categorias responsáveis pela Segurança Pública do Estado, o secretário da Pasta, Jean Nunes, torce pelo êxito das negociações com as entidades das…

ANÁLISE – Governo precisa radicalizar na equipe de articulação política sob pena da gestão fracassar

A última votação para a criação da PB Saúde deixou muito claro que é imperiosa a necessidade de o Governo agir rápido para tentar compor uma base aliada sólida. O…