O governador João Azevêdo autorizou as promoções de 635 novos cabos, sendo 564 da Polícia Militar e 71 do Corpo de Bombeiros Militar. A promoção dos soldados foi publicada, na noite desta quinta-feira (6), nos boletins internos das duas corporações e contempla militares de todas as regiões do estado.
 
As promoções foram assinadas pelo comandante-geral da PM, coronel Euller Chaves, e pelo comandante-geral do BM, coronel Marcelo Araújo, após a autorização do governador João Azevêdo. Os promovidos receberão os atos de promoção em três solenidades simultâneas que acontecem nesta sexta-feira (7), nas cidades de João Pessoa, Campina Grande e Patos.
 
O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, agradeceu ao governador pela autorização e parabenizou a todos os promovidos, adiantando que novos avanços estão para acontecer. “É mais um momento de ascensão profissional, totalizando mais de 9 mil promoções, sendo 6.437 delas de praças. Tivemos a honra também de receber 472 novos graduados nos últimos anos, através das seleções internas de sargentos e cabos que foram retomadas e deveremos tê-las novamente nos próximos meses, além de possibilidades de progressões que estão sendo analisadas para termos uma Polícia Militar cada vez mais pautada na valorização profissional, no trabalho, nos resultados e nas conquistas históricas”, destacou.
 
Já o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Marcelo Araújo, destacou a importância das progressões na carreira militar. “O governador João Azevêdo está oportunizando uma ascensão que tem muita importância na vida militar, galgar uma graduação”, afirmou, ressaltando que o benefício chega num momento importante que é o início da Operação São João. “Estamos começando uma operação grandiosa e o governador está motivando a tropa, aos militares desempenharem suas funções da melhor forma possível, sabendo que o seu trabalho será reconhecido”, observou.

 

 

Redação

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MPF pede que Justiça obrigue Governo a acionar Plano Nacional de Contingência

O Ministério Público Federal ajuizou nova ação contra a União motivada pelo derramamento de óleo que atinge a costa do Nordeste. O processo requer que a Justiça Federal obrigue a…

Nos EUA, Eduardo Carneiro projeta a PB internacionalmente

Em meio a tanto ‘rame-rame’, falta de projetos e discussões intermináveis sobre a Operação Calvário, um político vem se destacando por sair desse cenário que nada acrescenta para a população…