A Justiça Federal na Paraíba (JFPB) começou, nesta quinta-feira (21), um novo mutirão de conciliações, no Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania (Cejusc), em João Pessoa. Estão previstas mais de 150 audiências, sendo a maioria da Caixa Econômica Federal (CEF).

A primeira etapa do mutirão, até o dia 28, será destinada às Reclamações Pré-Processuais (RPP) e às tentativas de acordo encaminhadas pelos Juizados Especiais Federais (JEFs). A maior parte dos agendamentos é referente à campanha “Quita Fácil”, que permite descontos de até 90% em dívidas contraídas pelos clientes da CEF.

A segunda etapa, no dia 29, será marcada por sessões feitas através de videoconferência, diretamente de Sousa, no sertão do estado. De acordo com o coordenador do Cejusc, juiz federal Bruno Teixeira, este será um fato inédito para a Justiça Federal na Paraíba. “Será a primeira vez que o Cejusc irá realizar audiências de conciliação pela internet, contribuindo com a efetivação dos direitos e da justiça de forma ampla”, ressaltou.

Acordos em 2017

O Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania (Cejusc) realizou, de janeiro a agosto deste ano, 1.100 audiências de conciliação, sendo 726 com acordos. Os dados integram o último levantamento feito pelo núcleo, que até o dia 12 deste mês promoveu outras 300 sessões, sendo 176 finalizadas com êxito.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Cuité, Bananeiras e Itabaiana encerram ciclos de seminários do PB Rural

Os municípios de Cuité, Bananeiras e Itabaiana encerram, na próxima semana, os Ciclos dos Seminários de Divulgação e Informações do Programa PB Rural Sustentável. Em Cuité, o evento acontecerá no…

“Jamais me negaria a receber quem quer que seja” enfatiza João Azevêdo

O governador João Azevêdo (PSB) voltou a falar sobre seu relacionamento com os prefeitos paraibanos, tanto de oposição quanto de situação e disse ser um governador que não discrimina gestor…