A Paraíba o tempo todo  |

Inmet emite novo alerta de perigo potencial de chuva em toda a Paraíba

Tem chovido forte na Paraíba nos últimos dias. E se depender da previsão da meteorologia, vai continuar chovendo no Estado. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu mais um alerta de perigo potencial de chuva em todo o Estado.

Seis alertas estão valendo, sendo um deles vermelho, com grande perigo de acumulado de chuvas até as 16h em João Pessoa e mais doze cidades paraibanas.
Nesse caso, o Inmet prevê um volume de chuvas superior a 60 mm/h ou acima de 100 mm/dia. Além disso, há grande risco de alagamentos e transbordamentos de rios e grandes deslizamentos de encostas.

Ontem mais dois alertas de chuvas foram emitidos para 172 cidades paraibanas. O alerta amarelo de perigo potencial de chuvas intensas abrange 172 municípios. Já o laranja, de perigo de acumulado de chuva, é destinado para 19 cidades, sendo que 19 delas se repetem em ambos os avisos.

Para as cidades que estão sob o alerta de chuvas intensas, há previsão de chuva entre 20 a 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros por dia e ventos intensos entre 40 e 60 km/h nas cidades listadas. Existe baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

Já para as que estão sob alerta de acumulado de chuva, há previsão de chuva entre 20 a 30 mm/h ou até 50 mm/dia. Também existe baixo risco de alagamentos e pequenos deslizamentos, em cidades com áreas de risco. É recomendado evitar enfrentar o mau tempo, observar alterações nas encostas e evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

Este é o sexto alerta de chuvas emitido pelo Inmet para a Paraíba em menos de uma semana.

O Inmet orienta que as pessoas desliguem aparelhos elétricos, quadro geral de energia, observem alteração nas encostas, permaneçam em local abrigado e, em caso de situação de inundação, ou similar, proteja seus pertences da água envoltos em sacos plásticos.

As chuvas provocam incidentes em vários municípios da Paraíba e devem seguir por mais cinco dias.

A capital João Pessoa foi a mais afetada, mas o caso mais grave foi registrado em Pocinhos, cidade do Agreste e localizado nas proximidades de Campina Grande. Chuvas devem persistir por pelo menos mais cinco dias.

Foram registrados alagamentos em áreas como Oitizeiro, José Américo, Comunidade São Luís, Mangabeira, Gramame e Valentina. Uma casa, por exemplo, desabou no bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, por volta das 23h59h. Mas ninguém estava na casa e, por isso, não houve feridos.
No Km 18 da BR-230 e na ladeira entre Valentina e Mangabeira o trânsito chegou a ser interrompido totalmente. No primeiro caso, por causa do deslizamento de uma barreira. A interdição aconteceu de madrugada e a área só foi liberada pouco depois das 9h.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      3
      Compartilhe