Por pbagora.com.br

A Avenida Epitácio Pessoa voltou a ser interditada na tarde desta quarta-feira (23), por um grupo de indígenas, em protesto contra a não publicação de uma portaria que assegura que um  representante indígena, que já foi eleito, assuma uma das coordenações na Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai).

Nessa terça-feira (22), os índios já haviam realizado um protesto interditando a via nos dois sentidos.

O segundo dia de mobilização ocorre para que a Sesai, juntamente o Ministério de Saúde e o secretário, emitam o documento do eleito, Tawã, para que ele possa iniciar as atividades na comunidade do povo potiguara.

PB Agora

Notícias relacionadas

Na PB, Bradesco é condenado por cobrança em conta-salário

Por decisão da Terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba foi mantido o valor da indenização de R$ 5.500,00, que o Banco Bradesco deverá pagar, a titulo de…

Idoso sofre parada cardíaca ao se afogar em praia de João Pessoa

Na manhã desta segunda-feira (17), um idoso sofreu uma parada cardíaca ao se afogar no mar da Praia de Cabo Branco, em João Pessoa. De acordo com informações de parentes,…