O Orgulho LGBT+, celebrado internacionalmente no dia 28 de junho, vai ser lembrado na Paraíba com três encontros virtuais realizados na rede social da Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana, de 28 a 30 de junho, às 19h, no perfil do Instagram @semdhgovpb. Os temas das mesas vão abordar questões como educação, empregabilidade e os efeitos da pandemia relacionados ao aumento da exclusão social. A Parada do Orgulho LGBT+ celebrada todos os anos nas ruas de várias cidades paraibanas foi substituída nestes tempos de pandemia do Covid-19 para ser comemorada em casa, durante o isolamento social.

“A data é um marco histórico de reconhecimento da luta pela visibilidade da cidadania LGBT, pelo direito de viver, de amar, de ser livre, pelos direitos humanos de existir e ter acesso à educação, à cultura, ao lazer, à saúde, ao emprego, à moradia, à alimentação. Essa data é necessária para visibilidade a este movimento, que abriu o caminho para ser quem somos, lutar para sermos quem gostaríamos de ser neste país tão violento para nossa população LGBT+”, afirma o gerente de Direitos LGBT da Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana, Fernando Luiz.

Segundo a secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Lídia Moura, nestes tempos de pandemia, a realidade da vida da população LGBT de maior vulnerabilidade ficou mais difícil, mas o governo mantém funcionando os Espaços LGBTs com atendimento virtual e também a entrega de cestas básicas para a população mais vulnerável. Os Espaços LGBTs de João Pessoa e Campina Grande já atenderam mais de 15 mil pessoas.

“Por isso, as ações governamentais estão voltadas para atender os LGBTs desempregados e desempregadas nas periferias de nossas cidades e a quem historicamente estes direitos são negados. Continuamos com os serviços de atendimento dos Espaços LGBTs de João Pessoa e Campina Grande. Ambos estão funcionando de forma virtual e também estamos apoiando as organizações LGBTs com a entrega de alimentos”, disse Lídia Moura.

51 anos de luta – A data que completa este ano 51 anos foi marcada pela revolta de Stonewall, em 1969, nos Estados Unidos, quando gays, lésbicas e travestis enfrentaram policiais e iniciaram uma rebelião que lançaria as bases para o movimento pelos direitos LGBT nos Estados Unidos e no mundo. O episódio, conhecido como Stonewall Riot (Rebelião de Stonewall), teve duração de seis dias e foi uma resposta às ações arbitrárias da polícia, que rotineiramente promovia batidas e revistas humilhantes em bares gays de Nova Iorque.

Mesas virtuais – Garantindo + Direitos e Cidadania

Dia 28 – 19h
Mesa Virtual: TEMPOS DE PANDEMIA: mecanismo de exclusão para acesso aos programas sociais de governo para população LGBTQIA+ (Renildo Lúcio de Moraes, Assistente Social do Espaço LGBT João Pessoa; Gleidson Marques, Psicólogo do Espaço LGBT João Pessoa)
Dia 29 – 19h:

Mesa Virtual: Empregabilidade, Habitabilidade e Renda para a população LGBTQIA+
Palestrantes: Beatriz Duarte (Associação das Transfeministas da Paraíba – Astrapa), Gabriel Oliveira (Coletivo de Homens Trans – PeTris) e Cleudo Gomes (Pedagogo e Mestre em Educação e Movimento do Espírito Lilás)
Mediadora: Aniely Mirtes (Gerência Executiva de Direitos Sexuais e LGBT/SEMDH/PB e Grupo de Mulheres Lésbicas e Bissexuais Maria Quitéria).

Dia 30 – 19h:
Mesa Virtual: Educação, Gênero e Direitos Humanos: Embates Jurídicos sobre a “Ideologia de Gênero”.
Palestrantes: Olímpio Rocha (advogado) e Herry Charriery (Advogado e Coordenador do Centro de Estadual Referência dos Direitos de LGBT e Enfrentamento a LGBTfobia – Luciano Bezerra em CG/PB)

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Marinha e Força Aérea realizam desinfecção nas instalações da CBTU, na Grande JP

A Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Força Aérea Brasileira, realizam nesta quarta-feira (01), a desinfecção das instalações da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), na Grande João Pessoa como…

Passageiros poderão cancelar ou remarcar viagens de ônibus sem custo adicional

Foi trazido na edição do Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (1º), a autorização para que clientes de empresas responsáveis pelo transporte intermunicipal de passageiros remarquem a data das viagens…