Por pbagora.com.br

Equipamento, localizado no Pólo Turístico Cabo Branco, coloca a Paraíba na rota do turismo de grandes eventos

O Governador José Maranhão assinará ordem de serviço para o início das obras do Centro de Convenções de João Pessoa, nesta segunda-feira (28), às 11h, no canteiro de obras, localizado na rodovia PB–008, Km 5, do Pólo Turístico Cabo Branco, que dá acesso às praias do Litoral Sul do Estado.

A ordem de serviço é o primeiro passo após longa batalha do atual Governo do Estado, para salvar o projeto do Centro de Convenções das pendências junto ao Tribunal de Contas da União por sobrepreço. Agora, o intuito do governador é reduzir o cronograma da obra para 2010, com intensa contratação de mão de obra e uma otimização do processo construtivo.

O governador José Maranhão confirmou que para o início da execução do projeto já estão assegurados recursos do Governo Federal da ordem de R$ 10 milhões e outros R$ 30 milhões também já estão sendo garantidos em alguns Ministérios. Além disso, o Governo do Estado investirá recursos próprios da ordem de 20% do valor total da obra (R$ 104 milhões), referente à contrapartida.

O Centro de Convenções de João Pessoa ocupará 342 mil metros quadrados, em uma área de 22 hectares, que fazem parte do Pólo Turístico Cabo Branco. O Complexo terá quatro blocos e oferecerá a sociedade paraibana Torre/Mirante, restaurante; bloco para feira de exposições e eventos; Teatro/Auditório (com de 3mil assentos) e o um Centro de Congressos, entre outros espaços.

O projeto do Centro de Convenções é a mais importante obra do pólo Turístico Cabo Branco que, além de promover o desenvolvimento turístico, estabelecerá um marco na política econômica do Estado. O empreendimento foi elaborado pela arquiteta Isabel Caminha da Arte & Arquitetura de um escritório mineiro, será executado pela construtora Via Engenharia e fiscalizado pela Superintendência de Planejamento (Suplan).

O Pólo – O projeto do Pólo foi iniciado ainda na década de 1980 pelo Governo Tarcísio Burity, e está localizado ao longo da orla marítima de João Pessoa sobre o Planalto do Cabo Branco, onde fica a Ponta do Seixas, o ponto mais oriental das Américas. Com a construção do Centro de Convenções de João Pessoa, a expectativa do setor é que haja uma alavancada, já que vai expandir o turismo de eventos.

Diversos empresários dos mais variados ramos já buscaram informações e manifestaram interesse em instalar negócios na área, principalmente os que atuam com hotelaria e resorts, atraídos pela beleza natural do lugar cercado por muito verde, e que consideram uma oportunidade de valorizar os seus investimentos.

O Pólo apresenta uma área projetada com 507 hectares, além de 147 hectares destinados a expansão, totalizando 654 hectares. Todo esse espaço está dividido em 19 áreas para empreendimentos de hotelaria, nove comerciais, um centro de convenções, dois parques de turismo ecológico e de lazer, seis áreas de animação turística, um campo de golfe e três setores residenciais. É previsto, ainda, um Parque Temático com 100 hectares a ser implantado no ambiente de expansão.

Secom

Notícias relacionadas

João entrega novo ginásio paradesportivo do Instituto dos Cegos

O governador João Azevêdo entrega, nesta segunda-feira (17), às 10h, o Ginásio Paradesportivo do Instituto dos Cegos da Paraíba Adalgisa Cunha (ICPAC), que foi construído pelo Governo do Estado por…

Juliette diz que será sua própria empresária e que não gastou nada do prêmio

A campeã do Big Brother Brasil 21, Juliette Freire, fez ontem, sábado (15) sua primeira aparição ao vivo para os seus “cactos”. Ela conversou com eles por quase duas horas…