Por pbagora.com.br

Uma frase dita pelo deputado federal paraibano, Aguinaldo Ribeiro, durante Congresso do Progressistas, nesta quinta-feira (25), pode ter atingido em cheio o brio do clã Bolsonaro, que tem o patriarca, Jair Bolsonaro, responsável pelo comando do país. 

É que, na ocasião, Aguinaldo fez questão de pedir a benção ao seu pai, o vice-prefeito de Campina Grande, Enivaldo Ribeiro (PP) – que estava presente ao evento – mostrando respeito e obediência ao genitor. 

Aguinaldo disse que, em sua criação, os filhos são obedientes aos pais.

A postura do paraibano, no entanto, diverge da realidade vivida pelo presidente Bolsonaro e os filhos, que comandam as redes sociais do pai e dão alfinetadas e coordenadas nas decisões do governo.

“Tem muita gente que diz que aí que o problema do país tá na relação pai e filho, aqui não temos esse problema porque os filhos são obedientes, o pai basta olhar que a gente sabe o que fazer”, alfinetou.

A declaração de Aguinaldo acontece no mesmo dia em que repercute na mídia nacional a informação de que Carlos Bolsonaro teria vetado o acesso do pai ao twitter.

 

LEIA TAMBÉM

CARLOS VETA ACESSO DE JAIR BOLSONARO AO TWITTER

 

Redação

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Notícias relacionadas

João anuncia abertura de mais 147 leitos para tratamento da Covid-19

O governador João Azevêdo anunciou, nesta quinta-feira (4), a abertura de mais 147 leitos destinados ao tratamento da Covid-19 no estado. Os novos leitos serão distribuídos pelas três macrorregiões de…

Diretor do Grupo São Braz, José Carlos, morre em decorrência da covid-19

Faleceu nesta sexta-feira (05) por complicações de saúde causadas pela covid-19, o diretor presidente do Grupo São Braz e proprietário das TVs Cabo Branco e Paraíba, José Carlos da Silva…