A Paraíba o tempo todo  |

Ex-prefeita de Rio Tinto tem contas rejeitadas por gastos não comprovados com combustíveis

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O Tribunal de Contas do Estado, reunido em sessão ordinária por videoconferência, nessa quarta-feira (7), emitiu parecer contrário à prestação de contas da prefeitura municipal de Rio Tinto, relativas ao exercício de 2016. À ex-prefeita Severina Ferreira Alves foi imputado um débito no montante de R$ 350.6 mil, referente a gastos com combustíveis sem comprovação. Ainda cabe recurso.

 Foram aprovadas as prestações de contas de 2019 dos municípios de Nova Olinda, Paulista, Pombal, Juarez Távora e Juazeirinho (por maioria). A Corte de Contas ainda decidiu pela regularidade das contas apresentadas pela Companhia Estadual de Habitação Popular – Cehap (2016), bem como as da Superintendência de Coordenação e Supervisão de Contratos de Gestão, referentes a 2019.

Da Redação com TCE-PB

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe