Em coletiva de imprensa realizada na manhã desta quinta-feira (13), a defesa do radialista Fabiano Gomes informou que entrou com um pedido de prisão domiciliar no Tribunal de Justiça da Paraíba para a internação do apresentador. O motivo de acordo com o advogado Gustavo Botto é o estado de saúde do radialista, que piorou e já é considerado grave.

Ainda durante a coletiva, Botto explicou que o quadro de depressão do comunicador avançou, assim como a diabetes que tem causado ferimentos em seus pés e que se não forem tratados podem causar a amputação dos membros.

Só enquanto está recolhido no PB1, Fabiano já foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) cinco vezes e  prisão, de acordo com os advogados não oferece nenhum suporte para o radialista.

Outro caso que teria agarvado ainda mais a saúde mental de Fabiano foi a fuga em massa ocorrida no PB1.

A defesa pediu a reversão do regime argumentando que o comunicador não oferece risco para a sociedade e desde o começo mostrou interesse em colaborar com as investigações. 

Dois pedidos de Habbeas Corpus ainda tramitam no Superior Tribunal de Justiça.

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Agente de limpeza morre após bater cabeça em caminhão de entulho

Na manhã desta segunda-feira (11), um agente de limpeza urbana morreu após bater a cabeça em um caminhão de entulhos durante o trabalho, na cidade de Sousa, Sertão paraibano. De…

Ao lado de Ruy, ministro destaca importância de salvar barreira

Ao lado do deputado federal Ruy Carneiro (PSDB), o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto ratificou o compromisso em salvar a barreira do Cabo Branco, em João Pessoa. O ministro…