O radialista Fabiano Gomes passou por audiência de custódia na manhã desta quarta-feira (11) no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ-PB).

Na ocasião, a prisão determinada no âmbito da 8ª fase da Operação Calvário foi mantida pelo juiz Adilson Fabrício e Fabiano vai cumprir decisão judicial no Presídio do Róger.

A defesa de Fabiano Gomes solicitou ao juiz que o comunicador não fosse encaminhado para o Presídio do Róger em razão de problemas de segurança e pessoais entre ele e a direção da unidade penitenciária. “Por questão de cautela, vou determinar que o diretor do presídio não tenha contato com ele”, considerou o juiz Adilson Fabrício.

Como a prisão é temporária, Fabiano deve ser solto até o final de semana, caso não haja nenhuma decisão em contrário até lá.

Além de ser suspeito de estar atrapalhando as investigações e constrangendo outras pessoas que estariam sendo investigadas, a polícia encontrou uma arma na casa do radialista durante o cumprimento do mandado de prisão.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

CCJ da ALPB aprova criação do Memorial Covid-19 para homenagear vítimas

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), aprovou na manhã desta terça-feira (14), por unanimidade, o projeto de lei 1.841/2020, que institui o…

Estado deve pagar R$ 30 mil de indenização por morte de preso no PB1

A Quarta Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba fixou em R$ 30 mil o valor da indenização, por dano moral, a ser paga pelo Estado da Paraíba a…