A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado (Aesa) registrou 41,8 milímetros de chuva em João Pessoa entre 7h e 8h da manhã desta segunda-feira (1). O número equivale a 20% da média histórica durante o mês de abril. Neste mesmo horário, a força dos ventos também chamou a atenção dos meteorologistas do Governo do Estado: 36 km/h.

De acordo com o setor de Monitoramento e Hidrometria da Aesa, a previsão é de que o tempo permaneça instável na capital e nas cidades localizadas no litoral paraibano. “Temos uma condição de instabilidade climática sobre quase todo estado da Paraíba. Esta situação, associada à atuação de um fenômeno chamado de Zona de Convergência Intertropical, mantém o tempo favorável à ocorrência de chuvas localizadas”, alertou a meteorologista Marle Bandeira.

Também foram registradas fortes chuvas do sábado para o domingo, com destaque para Santa Terezinha (132,1 mm), Cacimbas (127 mm), Monteiro (101,2 mm), Mãe d’Água (97 mm), Ouro Velho (91,3 mm), Coremas (88,2 mm), Brejo do Cruz (80,6 mm), Areia de Baraúnas (80,4) e Emas (64,1 mm). 

As chuvas do final de semana aumentaram o nível da água em vários açudes. Na cidade de Piancó, o reservatório de Coremas ganhou quase 17 milhões de metros cúbicos e atualmente está com 12,61% da capacidade. Em Boqueirão, o açude Epitácio Pessoa recebeu 5 milhões de metros cúbicos, aumentando o volume para 24,24%. Em Sousa, após o aporte de 3,6 milhões de metros cúbicos, o São Gonçalo está com 44,79%. 

Dos 129 açudes monitorados pela Aesa, 28 estão com menos de 5% do volume total. Outros 43 têm menos de 20% e 56 reservatórios possuem capacidade superior a 20%. Apenas dois estão sangrando: São José II, em Monteiro e Emas, na cidade de mesmo nome. 

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Efeito: Cabo Branco: TV Tambaú e Correio também mudam quadro de apresentadores

O pedido de demissão da apresentadora Patrícia Rocha do Bom dia Paraíba, da TV Cabo Branco funcionou como uma espécie de gatilho para que outros comunicadores e até empresas de…

Prefeita de Conde já pagou mais de R$ 2 milhões a empresas citadas na Calvário

Pelo menos três empresas investigadas pela Operação Calvário, na Paraíba, possuem contratos ativos com a Prefeitura Municipal de Conde, que é comandada pela prefeita Márcia Lucena, do PSB. A J.R.…