Em entrevista ao Bom dia Brasil (TV Globo), na manhã desta quarta-feira (11) o deputado Efraim Filho (DEM/PB) se posicionou contra a proposta que estabelece um novo imposto.

A ideia, conforme o parlamentar, não vai prosperar no Congresso e que a nova CPMF é um assunto natimorto. Para Efraim, o projeto não passará nem nas comissões nem no plenário da Câmara.

“A Câmara dos Deputados reagiu ao novo imposto, apresentado como Contribuição sobre pagamento (CP), tão logo foi anunciado durante o Fórum Nacional Tributário, realizado em Brasília. A alíquota seria a mesma em operações de débito e crédito, mas nesse caso a cobrança se daria em duas partes – 0,2% sobre quem está fazendo o pagamento e 0,2% sobre quem está recebendo”, explicou

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PL de Wilson Filho obriga autoescolas a melhorarem qualidade dos serviços

Em 2018 e 2019, cerca de um terço dos candidatos à Carteira Nacional de Habilitação (CNH) reprovaram na prova prática para obtenção da licença para dirigir. Os dados, que evidenciam…

Presidente interino da Câmara de Stª Rita volta a ignorar decisão judicial

Mesmo na eminência de uma decisão judicial que devolveria o cargo de Presidente da Câmara Municipal, ao vereador Saulo Gustavo Souza Santos (Podemos), afastado provisoriamente por decisão judicial liminar no…