Por pbagora.com.br

O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) vai marcar audiência com o Governo Estadual para discutir fiscalização e punição mais efetiva para infrações de trânsito. O compromisso foi assumido durante sessão especial alusiva ao Movimento Internacional Maio Amarelo, realizada pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), nesta terça-feira (11). Autor da propositura, o parlamentar ouviu as demandas e sugestões de autoridades da área para reduzir o número de acidentes e mortes em decorrência do trânsito.

“Tivemos uma sessão com a participação de diversos órgãos e instituições que atuam no trânsito do nosso estado. A maior reivindicação apresentada foi no sentido de cobrar ao Governo do Estado uma fiscalização maior e a efetivação de forma mais eficaz das punições ocorridas em decorrência dos acidentes de trânsito, com mais uma ação que tem a finalidade de minimizar os números na nossa Paraíba”, declarou.

A sessão, segundo Eduardo, buscou discutir a realidade e encontrar alternativas para reduzir o número de mortes e também de pessoas que ficam sequeladas em decorrência dos acidentes que ocorrem em nossas vias.

O deputado Taciano Diniz, que secretariou a sessão, destacou que os números também estão relacionados ao consumo de álcool ao volante. “Quem aqui não já teve um amigo ou familiar vitimado no trânsito? A relação de volante ao álcool tem uma parcela de responsabilidade pela realidade que enfrentamos quando falamos de acidente no trânsito. Precisamos nos conscientizar e reforçar a fiscalização”, pontuou.

Participaram da sessão o presidente do Observatório Nacional, José Aurélio Ramalho; representante do Maio Amarelo na Paraíba, Abimadabe; representante do Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), Everaldo Valenga; representante da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Carlos André; o secretário da Secretária de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP), George Ventura Moraes; secretário da Secretaria de Mobilidade Urbana de Cabedelo, Inácio Bento Morais Júnior; o presidente da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos de Campina Grande (STTP-CG), Carlos Dunga; representante do Departamento de Estradas e Rodagens da Paraíba (DER-PB), Fleming Cabral; representante do Cetran, Amauri Azevedo e a chefe de educação de trânsito da Semob-JP, Gilmara Branquinho.

A sessão especial, que ocorreu de forma remota, foi transmitida pelo canal da Assembleia Legislativa no YouTube.

Números – Dados do Ministério da Saúde apontaram que em 2019 apontam que 31.945 pessoas morreram em decorrência de acidentes de trânsito no Brasil. Desse total, 6.018 envolviam pedestres, o que significa quase 19% das mortes. Já de acordo com o Seguro DPVAT, até o ano passado os pedestres perdem apenas para os motociclistas, tanto em indenizações por morte quanto por invalidez permanente.

 

Notícias relacionadas

Em entrevista a TV paraibana, Doria sugere que Queiroga se demita do MS

Em entrevista ao programa ‘Frente a Frente’ da TV Arapuan, nessa segunda-feira (14), o governador de São Paulo, João Doria, disse que se fosse o paraibano Marcelo Queiroga, pediria demissão…

Juliette chega à Paraíba de surpresa nesta terça-feira, mas hospedagem é mantida em segredo

Campeã do “Big Brother Brasil 21, a paraibana Juliette Freire, já está sem solo paraibano.  Ela chegou de surpresa ao Estado e  desembarcou nesta terça-feira (15) no aeroporto Castro Pinto,…