A Paraíba o tempo todo  |

Eduardo debate ações para fortalecer produção de cana-de-açúcar; atividade gera 40 mil empregos

O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) se reuniu, nesta quarta-feira (19), com o presidente da Associação de Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan-PB), José Inácio, e com presidente da entidade no Rio Grande do Norte, Hermano Almeida Neto. O parlamentar, que preside a Secretaria Especial de Empreendedorismo da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), se colocou à disposição para defender as demandas da categoria no parlamento e levar o debate sobre o fortalecimento do setor para a Unale.

A Paraíba é o terceiro maior produtor de cana-de-açúcar do Nordeste, ficando atrás de Alagoas e Pernambuco, que são tradicionalmente os maiores produtores da região. O setor sucroalcooleiro paraibano gera cerca de 30 mil empregos diretos durante a entressafra e 40 mil em épocas de safra.  Atualmente, entre 50% e 60% da matéria-prima é oriunda de lavouras próprias ou arrendadas.

Eduardo, que também preside a Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), ressaltou a relevância que o setor possui para o estado no que se refere a geração de emprego e renda. “Na Paraíba, o setor de produção de cana tem uma representatividade muito grande. A cadeia produtiva inclui sete usinas e destilarias, gera renda e milhares de emprego em mais de 26 cidades do nosso litoral”, ressaltou.

Segundo dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o último levantamento divulgado em agosto de 2020 pelo órgão estimou uma que a produção da Paraíba para a safra 2020/2021 seria de 6,77 milhões de toneladas de cana-de-açúcar. Os números, de acordo com a Companhia, colocam a Paraíba em terceiro lugar em relação aos demais estados produtores do Nordeste.

“Investir no fortalecimento do setor é valorizar o trabalho dos produtores paraibanos e apoiar para desenvolver uma área produtiva tão forte em nosso estado. Acredito que unir forças é o caminho para alcançarmos resultados ainda mais positivos no setor e, consequentemente, contribuir para o desenvolvimento econômico da Paraíba”, finalizou Eduardo.

 

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe