Por pbagora.com.br

O presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB), visitou nesta quarta-feira (10) o projeto de aproveitamento do coco verde na perspectiva da segurança alimentar e nutricional, com a qualificação e geração de renda como estratégia de combate à fome, do Centro de Tecnologia e Desenvolvimento Regional (CTDR) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

O parlamentar ressaltou a importância da visita. “Neste primeiro contato tivemos a oportunidade de conversar com a professora e nutricionista Ingrid Dantas, que é idealizadora e responsável pelo projeto. Pudemos saber como é desenvolvido, quem são as pessoas envolvidas e as perspectivas, tudo isso com o intuito de contribuir para que o projeto ultrapasse as dependências do ambiente acadêmico”, afirmou.

Ingrid Dantas explicou como surgiu o projeto e qual a dinâmica para alcançar as pessoas combatendo à fome e promovendo a geração de renda. “A forma como a água de coco vem sendo comercializada, por meio de garrafas pet, gera o descarte imediato do coco em si, e a quantidade desses resíduos tem crescido por diversos bairros, isso gerou uma inquietação e, consequentemente, o projeto surgiu com o objetivo de aproveitar essa parte do coco que estava sendo descartada e auxiliar na geração de economia, a partir do momento que ensinamos receitas à base de coco para que as pessoas possam comercializar”, relatou.

Eduardo destacou que a Frente Parlamentar estará atuando junto ao projeto com o objetivo de aproximar o projeto do Poder Público. “Nosso próximo passo é levar o projeto para as dependências da Assembleia, por meio da Frente Parlamentar, para que outros deputados estaduais possam conhecer o trabalho desenvolvido e, assim, poder atuar na divulgação desses produtos, contribuindo, inclusive, para firmar parceria entre o Governo do Estado e o projeto, para que os alimentos produzidos sejam inseridos na merenda escolar das escolas estaduais”, pontuou.

O deputado ainda afirmou que a Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico da ALPB vai buscar implantar o projeto em feiras regionais para contribuir com a divulgação dos produtos de fabricação local, promovendo o desenvolvimento econômico de João Pessoa e de toda Paraíba.

O Projeto – Atualmente o projeto é desenvolvido com estudantes do curso de Gastronomia da UFPB e já profissionalizou mais de 100 pessoas, utilizando as cozinhas comunitárias dos bairros mais carentes da capital paraibana. Em 2018 foi premiado pelo Ministério do Meio Ambiente como boa prática no combate ao desperdício de alimentos e ganhou o prêmio Elo Cidadão, concedido pela UFPB.

Assessoria de Imprensa

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Única cidade sem covid-19 na PB, Ouro Velho aplicou testes sem eficácia, diz MPF

Quatro meses após a chegada da pandemia do novo coronavírus (covid-19) à Paraíba, apenas a cidade de Ouro Velho , no Cariri, ainda não confirmou nenhum caso da doença. No…

LEI: PB deve montar plano para entregar medicamentos a doentes crônicos na pandemia

O governador João Azevêdo sancionou, nesse sábado (1º), a Lei 11.759/2020, de autoria da deputada Jane Panta, que determina a criação do plano emergencial de entrega de remédios aos doentes…