As polícias Civil e Militar, a Marinha e a Secretaria do Meio Ambiente realizaram uma ação preventiva de monitoramento de um trecho de 12 km de praias paraibanas a fim de detectar a presença do óleo que vem afligindo o litoral Nordestino.

A operação utilizou drones que não identificaram qualquer sinal do óleo nos trechos monitorados.

A preocupação é que as correntes marinhas acabem trazendo para a Paraíba o óleo que já chegou a praias do litoral norte pernambucano.

Por conta do desastre ambiental, que até o momento tem poupado as praias paraibanas, o Estado assim como os municípios tem realizado ações preventivas de forma mais efetiva.

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Moro pressiona Congresso mudar regra da prisão em 2ª instância

Um dia depois de ir à Câmara dos Deputados em busca de apoio à PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que prevê a prisão em segunda instância, o ministro da Justiça,…

Governador em exercício participa de solenidade dos 100 dias de atuação da Patrulha Maria da Penha

O governador em exercício, Márcio Murilo da Cunha Ramos, participou, nesta sexta-feira (22), do seminário sobre os 100 dias de funcionamento do Programa Integrado Patrulha Maria da Penha. O evento,…