A Paraíba o tempo todo  |

Dominguinhos e a Orquestra Jovem se apresentam no Espaço Cultural

A mistura da sanfona e instrumentos eruditos encerra a Semana Cultural
José Lins do Rego. O mestre pernambucano Dominguinhos se apresenta,
nesta quarta-feira (6), acompanhado pela Orquestra Sinfônica Jovem da
Paraíba. O show, que será aberto pela Orquestra Sanfônica Balaio
Nordeste, marca o encerramento da 30ª Semana Cultural José Lins do
Rego, que teve início no último domingo (3).

A apresentação começa às 20h30, na Praça do Povo do Espaço
Cultural. A o valor da entrada é 1kg de alimento não perecível e as
doações serão destinadas às vítimas da seca na Paraíba.

Não é a primeira vez que Dominguinhos se apresenta acompanhado da
OSJPB. Em 2010, eles dividiram o palco da Praça do Povo na 13ª
edição do Fenart, em uma homenagem ao saudoso músico Sivuca.

Desta vez, o espetáculo será dividido em quatro partes. A primeira
terá três músicas representativas e alegres, para celebrar e animar o
público. Além de homenagear Gonzagão pelo centenário de seu
nascimento, o concerto desta quarta-feira é mais uma das atividades
comemorativas dos 30 anos da Sinfônica Jovem.

Na segunda parte, a Orquestra fará uma merecida homenagem ao rei do
baião, lembrando os “Cem Anos de Luiz Gonzaga”. Serão executadas
músicas bem conhecidas, com a participação de dois cantores
paraibanos: Sandra Belê, da cidade de Zabelê, e Alan Silva, natural do
Cajá, distrito de Caldas Brandão.

Dominguinhos entra na terceira parte para tocar e cantar composições
suas e de outros autores. Para finalizar, a OSJPB tocará, junto com
Dominguinhos, a música Asa Branca, com participação dos cantores
Sandra Belê e Alan Silva, com coro do público.

O maestro Luiz Carlos Durier, que vai reger a OSJPB, lembra que o
concerto contará com a presença de músicos de todas as gerações,
começando com Maestro Chiquito (Percussão), Glauco Andrezza (Bateria)
e João Leite (Clarinte/Sax), da primeira geração. Da segunda
geração, a orquestra tem Renata Simões, Marina Zenaide e Ronedilk
Dantas (Violinos). Da terceira, entram em cena Marx Rodrigues, Felipe
Amorim (Violino), Danilo Cardoso e Victor Mesquita (Contrabaixos). Da
quarta geração, tocam Raquel Avelar e Caio Freire (Violinos), Joyce
Kelly e Marcela Elgueta.

**Balaio Nordeste**A Orquestra Sanfônica Balaio Nordeste, que fará a
abertura do show, teve origem em uma oficina de acordeon realizada pela
Associação Balaio Nordeste e a Funjope em março de 2010. A Orquestra
é composta por músicos experientes e alunos da Escola de Música
Mestre Dominguinhos, mantida pela Associação. Tem como regente,
produtor musical e arranjador o maestro Lucilio Souza.

Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe