Por pbagora.com.br

O presidente estadual e vice-presidente nacional do PSL, deputado federal Julian Lemos, afirmou em entrevista a Rádio Correio FM, que o presidente da República Jair Bolsonaro, não sairá do parido.
O deputado enfatizou que a saída do presidente Jair Bolsonaro do partido que o elegeu, seria muito perigoso para a governabilidade.

-Desde quando houve essas especulações dentro do partido, eu afirmei taxativamente que Jair Bolsonaro não sai. Ele não tem porque sair. Só acredito que ele sai se eu ver. O presidente precisa do partido, e o partido precisa de Bolsonaro. O PSL é a maior força dentro do parlamento, e desintegrá-lo hoje seria muito perigoso para governabilidade- garantiu.

Principal nome do Partido Social Liberal, o presidente Jair Bolsonaro em conjunto com alguns deputados do partido, declarou que pretende solicitar uma auditoria para averiguação dos gastos do fundo partidário durante as eleições de 2018.

Ao comentar sobre o assunto, o deputado federal Julian Lemos, afirmou que a liderança não teme auditorias dentro partido.
-Todos sabem que eu faço parte executiva nacional, sou muito próximo do Jair Bolsonaro, estive com ele essa semana e tratei sobre esses assuntos. Não há problema algum em auditoria no partido, que não faz nada que não seja republicano. É um partido que tem um fundo partidário considerável, mas, ninguém teme nenhum tipo de auditoria- afirmou.

PB Agora

Notícias relacionadas

Galdino defende responsabilização de Bolsonaro por agravamento da pandemia

O presidente do Poder Legislativo paraibano, Adriano Galdino, defendeu, em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira (23), que o presidente da República deveria ser punido por sua falta de ação efetiva…

Voto de repúdio: Karol Conka pode se tornar ‘persona non grata’ em JP

A cantora Karol Conka pode se tornar persona non grata em João Pessoa por ter hostilizado o estado da Paraíba, em rede nacional, durante o programa Big Brother Brasil. As…