Por pbagora.com.br

A diretoria do Departamento de Trânsito da Paraíba decidiu suspender a publicação da portaria de descredenciamento do Centro de Formação de Condutores acusado de emitir, fraudosamente, carteira de habilitação.

A informação foi divulgada na tarde de hoje, terça-feira (26) através de nota enviada a imprensa. A medida do Detran foi tomada com a orientação da assessoria jurídica do órgão.

De acordo com as investigações, o processo também aponta para o envolvimento de outras auto-escolas e a divulgação dos nomes poderia prejudicar a apuração das fraudes.

No total o Detran afastou oito funcionários envolvidos na concessão na concessão de habilitação para analfabetos. A portaria publicada afasta previamente os funcionários do exercício de suas funções por um período de 60 dias.
 

 

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Diário Oficial traz exoneração da esposa do deputado Dr. Érico

O Diário Oficial do Estado (DOE), trouxe a exoneração da esposa do deputado estadual Dr. Érico (Cidadania), da direção administrativa do Hospital e Maternidade Peregrino Filho, em Patos. No lugar…

Banco deve indenizar em R$ 10 mil cliente que foi feito refém durante assalto

A Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba negou provimento à Apelação Cível nº 0807307-53.2015.8.15.0001 interposta pelo Banco Santander S/A, que foi condenado pelo Juízo da 4 Vara…