Por pbagora.com.br

Visivelmente frustrado com as declarações do governador José Maranhão, que afirmou encontrar dificuldades para resolver o impasse e apresentar proposta plausível aos delegados de Polícia Civil da Paraíba, o presidente da Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados (Adepdel), Afrânio de Britto, não descartou a possibilidade da retomada do movimento grevista no estado caso a questão não seja resolvida até o próximo dia 20 de maio, data estipulada pelo próprio governo para solucionar o problema.

Segundo Afrânio, a justificativa de impossibilidade financeira do estado é compreensível, uma vez que diversos outros estados do país também sofrem com o mesmo problema. Por outro lado, o presidente lembrou que a categoria possui um dos piores salários do Brasil e mesmo com eventuais dificuldades é preciso a valorização e reconhecimento destes profissionais.

Entenda o caso:

O governador José Maranhão afirmou em entrevista na manhã desta segunda-feira (13), durante lançamento do Banco de Olhos no Hospital de Emergência e Trauma, que a Paraíba está no vermelho e vê dificuldades para apresentar uma proposta aos delegados de Polícia Civil da Paraíba.

Segundo Maranhão, o governo continua estudando uma proposta e negociando com os delegados o encaminhamento de uma solução que não será fácil.

“Todos sabem que no governo anterior foram feitos 31 planos de cargos e salários que oneraram a receita do estado em quase 20%”, justificou o governador.

“Isso representa um valor muito alto para um estado que trabalha sempre no vermelho, pela carência de recursos e, sobretudo, pelos encargos”, completou Maranhão.

Maranhão garantiu que Segurança Pública seria prioridade. Os primeiros relatórios de auditores no Tribunal de Contas do Estado (TCE) dão conta de que, no mês de março, o Governo do Estado não cumpriu os índices de investimentos estabelecidos pela Constituição Federal. Em entrevista à imprensa o governador José Maranhão (PMDB) não soube explicar a razão pela falta de investimento.

Thiago Moraes

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ruy reforça cuidados com dependentes de álcool e drogas na Fazenda da Esperança

Com um trabalho intenso dedicado à assistência social por meio de entidades filantrópicas em João Pessoa e no interior da Paraíba, o deputado federal Ruy Carneiro esteve na Fazenda da…

Prefeito na Paraíba revoga decreto que permitia sacrifício de animais

Após a repercussão negativa do decreto que autorizava o sacrifício de animais em situação de rua, o prefeito da cidade de Brejo do Cruz no interior da Paraíba, Tales Torricelli,…