Por pbagora.com.br

Chateado com as declarações dos apresentadores do programa Rádio Verdade, da Arapuan FM, de que teria renunciado a presidência da Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados em troca de benefícios oferecidos pelo governo Maranhão III, o delegado Afrânio de Britto entrou em contato com o programa, reafirmou as razões que o levaram a renunciar o cargo e revelou que ao contrário do atual governo, a gestão anterior tentou comprá-lo oferecendo-lhe cargos para abandonar a causa da categoria.

Afrânio de Britto não revelou o nome da pessoa que teria tentado compra-lo, mas admitiu que vários cargos lhe foram oferecidos, desde que abandonasse a causa e deixasse a categoria “a ver navios”.

Ainda segundo o delgado, pelo motivo de não ter aceitado a proposta do suposto “interlocutor” do antigo governo, passou a ser vítima de perseguições, sendo inclusive ameaçado de transferência para uma delegacia no interior do estado, com intuito de neutralizá-lo.

“Não fui transferido porque uma pessoa chamada Milton Soares, ex-secretário da Receita, que apurei um crime no qual ele foi vítima, bateu o pé, não permitiu minha transferência e me colocou na delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária, onde atualmente sou titular”, disse Afrânio.

“Se eu tivesse qualquer ligação política seria do lado do ex-governador Cássio Cunha Lima, pois tenho uma relação estreita com Milton Soares, que foi quem conseguiu me manter na Capital contra a vontade do ex-secretário Eitel Santiago”, revelou o ex-presidente.

“Não admito insinuações, pois caso venha a conseguir um alto cargo na Polícia Civil será única e exclusivamente por meus méritos”, concluiu Afrânio de Britto.

 

Thiago Moraes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Moradores de CG só poderão agendar atendimento na Defensoria Pública pelo Chat

O Núcleo Regional de Atendimento da Defensoria Pública do Estado (DPE-PB) em Campina Grande passou a atender exclusivamente de forma presencial, mas para evitar aglomerações, especialmente entre aqueles que procuram…

200 cidades paraibanas estão com bandeira amarela no Plano Novo Normal

O Governo da Paraíba publicou, neste sábado (23), a 17ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba que passa a vigorar a partir desta segunda-feira (25) (https://paraiba.pb.gov.br/diretas/saude/coronavirus/novonormalpb ). O documento aponta que…