Após ter pedido de Habeas Corpus recusado pelo Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) a defesa do empresário Roberto Santiago, já no dia de ontem impetrou um Habeas Corpus com pedido de liminar no STJ. Quem assina o pedido é o advogado Ricardo Tosto. O relator é Félix Fischer, que deverá decidir a liminar já nas próximas horas.

Roberto Santiago foi preso no início da manhã  da última sexta-feira, por força de um mandado de prisão preventiva, oriundo da 1ª Vara da Comarca de Cabedelo, nos autos do Processo nº 0000026-81.2019.8150731, relacionado à Operação Xeque-Mate.

Quando os agentes da Polícia Federal chegaram, ele estava em sua casa, no Bairro do Bessa, na Capital. O empresário é acusado de participar do esquema de corrupção e fraudes licitatórias no Município de Cabedelo, Região Metropolitana de João Pessoa. Roberto Santiago é proprietário do Shopping Manaíra e Shopping Mangabeira.

""
Redação com Blog de Diego Lima

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Consórcio Nordeste: Governador da Bahia confirma adesão ao ‘Preço da Hora’

O governador da Bahia e presidente do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste, Rui Costa, elogiou, nesta quarta-feira (21), durante reunião do Consórcio Nordeste, em Teresina, no Estado do…

Calvário: Gaeco denuncia Gilberto Carneiro e motorista por ocultação de bens

O Ministério Público da Paraíba protocolou, nesta terça-feira (20/08), a quarta denúncia à Justiça baseada na Operação Calvário, que investiga uma organização criminosa responsável por desvio de recursos públicos. O…