Por pbagora.com.br

 A decisão do Ministério Público do Trabalho de Pernambuco de suspender atividades das obras da Transposição do Rio São Francisco não atinge o eixo paraibano. A garantia foi dada na tarde desta quinta-feira (22) pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho.

Barbalho fez a afirmação durante contato com o deputado federal Rômulo Gouveia (PSD), que manifestou a preocupação da Paraíba, vítima de grave colapso hídrico, com a decisão.

“O ministro nos garantiu que a obra no trecho da Paraíba não sofrerá qualquer solução de continuidade”, informou Gouveia.

Gouveia também entrou em contato com a Justiça do Trabalho da Paraíba para se certificar dos efeitos da sentença prolatada pelo MPT pernambucano.

Durante a noite, o parlamentar voltou a falar sobre o assunto no programa 60 Minutos, apresentado pelos jornalistas Heron Cid e Anderson Soares, na Rádio Arapuan FM, e contou detalhes da conversa que teve com o ministro. Com informações do MaisPB


Redação

 

 

Notícias relacionadas

Trânsito na Hilton Souto Maior sofrerá modificações a partir desta terça

A partir desta terça-feira (18) uma série de intervenções será realizada na Avenida Hilton Souto Maior, que corta os bairros de José Américo e Água Fria, em João Pessoa. Segundo…

MPF recorre ao STF contra vacinação de profissionais da educação em JP

O Ministério Público Federal (MPF), através do Vice-Procurador-Geral da República, Humberto Jacques de Medeiros, ingressou com um recurso junto ao Superior Tribunal Federal (STF) para suspender a decisão do desembargador…