Depois da vice-governadora Lígia Feliciano (PDT), agora foi o deputado federal Damião Feliciano (PDT) que também ratificou a aliança da sua legenda não apenas com o Governo do Estado, mas também com o PSB paraibano. Diferentemente de Lígia, que evitou polemizar a briga interna no jardim girassol, Damião foi mais além e alertou para a possibilidade do comprometimento da governabilidade diante da repercussão do mal estar interno da sigla.

Feliciano, que marcou presença no ato SOS Transposição, convocado pelo ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), no último domingo (1º) inclusive se dispôs a servir como mediador da retomada para a união do bloco. Nesta terça-feira (03) ele acompanhou a esposa na solenidade de lançamento da Frente Parlamentar Brasil – Paraíba – China, na Assembleia Legislativa da Paraíba.

“Torço, creio inclusive e me predisponho em fazer o intercambio para que haja essa união. Não é bom para a Paraíba qualquer ruído entre eles”, disse.

As informações repercutiram no programa Arapuan Verdade.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Covid-19: câmeras irão medir temperatura dos paraibanos em 22 cidades

Governo instala câmeras termográficas em 22 municípios paraibanos Para o enfrentamento e a prevenção da Covid-19, o Governo da Paraíba já está usando a tecnologia de alta precisão para medir…

Covid-19: Grande João Pessoa registra mais de 40% dos casos de todo o estado

A Paraíba, segundo dados apresentados no último boletim epidemiológico emitido nesta sexta-feira (5), já registrou 18.579 casos de contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19). A Capital paraibana segue sendo o município…