O Ministério Público da Paraíba tem atuado para resolver o problema das aglomerações causadas pelas filas em agências bancárias e lotéricas, em todo o Estado. Os promotores de Justiça estão entrando em contato e monitorando as ações dos prefeitos nos municípios, algumas decorrentes das várias  recomendações ministeriais expedidas, outras de ações colaborativas com os bancos e o MPPB. Nos últimos dias, está sendo observado que alguns municípios estão encontrando soluções para reduzir os riscos de contágio de covid-19 entre pessoas que precisam se submeter às filas para receber auxílios financeiros, durante a pandemia.

O coordenador do Centro de Apoio Operacional (CAO) da Saúde e do Consumidor, o promotor Raniere Dantas, que também integra o comitê de crise e gestão do MPPB, disse que os membros do MP têm reportado casos de sucesso ao CAO. “Os promotores estão entrando em contato com os prefeitos para que resolvam o problema das filas. Eles estão colocando marcações nos pontos de filas nas ruas, com o distanciamento entre as pessoas. Alguns estão colocando cadeiras e tendas para dar algum conforto. Os promotores estão numa ação colaborativa nos municípios onde atuam e pedimos a população que contribua para evitar o contágio nessas localidades. Tudo o que fizermos nesse sentido, será pouco diante da gravidade da situação”, disse.

Os promotores se reportaram a experiências de cidades como Bayeux, São Bento, Solânea, Patos, Campina Grande, Sapé, Caldas Brandão, Pitimbu, Itabaiana e Caaporã. Os membros do MPPB vão continuar acompanhando as ações dos gestores no sentido de promover a prevenção do contágio das pessoas que precisam se deslocar aos bancos e lotéricas. “O MPPB está atuando nessas e em outras ações colaborativas que venham somar esforços na prevenção da doença. É importante que as pessoas mantenham a distância mínima de 1,5 metros ou 2 metros, que usem máscaras para não se contaminarem ou contaminarem outros”, alertou o promotor Raniere Dantas.

PB Agora com MPPB

 

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Um dia após fim de barreiras sanitárias, bairro de Mangabeira registra ruas cheias

Pelo visto as medidas de conscientização e barreiras sanitárias montadas por dois dias no bairro de Mangabeira, o mais populoso de João Pessoa e que conta com o maior número…

Cabedelo segue sem aulas e visitas ao Parque do Jacaré até 14 de junho

As medidas de segurança e prevenção à Covid-19 em Cabedelo foram prorrogadas através de um novo decreto. O documento prorroga, até o dia 14 de junho, a suspensão de visitas…