A Paraíba o tempo todo  |

Covid-19: artigo de pesquisadores da UFPB é publicado em periódico internacional de Virologia

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Um estudo de pesquisadores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) sobre testagem RT-PCR para diagnóstico de Covid-19 foi publicado este mês no periódico internacional Journal of Clinical Virology Plus. Conduzido por investigadores do Laboratório de Biologia Molecular do Centro de Ciências Médicas (Labimol/CCM) e do Laboratório de Endemiasdo Centro de Ciências da Saúde (CCS), o artigo apresenta o resultado de testes comparativos entre métodos de extração de RNA viral em amostras de pacientes diagnosticados com a doença.

De acordo com o pesquisador do Departamento de Fisiologia e Patologia do CCS Vinícius Perez, um dos autores do artigo, o estudo foi realizado entre abril e dezembro de 2020 e buscou desenvolver métodos mais simples para diagnóstico de Covid, como forma de reduzir o tempo e o custo dos testes RT-PCR, além de auxiliar os laboratórios diante da escassez de reagentes causada pela grande demanda de testagem no ano passado.

“Este estudo é um resumo das alternativas encontradas pela UFPB em relação à etapa da extração de RNA na testagem. É um registro de como tentamos superar o problema, já que o sistema de saúde não estava pronto para a demanda por testagem à época, diante de uma situação extrema da pandemia”, explicou Vinícius. Ele ressaltou, no entanto, que atualmente a UFPB possui estoque para realização desses testes.

Para um total de 50 amostras (nasofaringe) de pacientes utilizadas na pesquisa, foram testados seis métodos, sendo três propostas desenvolvidas pelo grupo da UFPB, em contraponto a três métodos comerciais utilizados na extração de RNA viral. Em relação ao desempenho, os métodos simplificados propostos pelo grupo apresentaram eficácia 87,5,% em comparação com os kits comerciais. Segundo Vinícius Perez, de forma geral, os três protocolos sugeridos podem ser utilizados e o desempenho um pouco menor não compromete a confiabilidade do diagnóstico.

Além de Vinícius Perez, também participaram da pesquisa os professores da UFPB Eduardo Sérgio, Bruno Andrade, Eloiza Campana, Marília Gabriela, Naiara Dejani e Wallace Blohem, com a colaboração do docente Vlademir Cantarelli da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA).

Da Redação com Assessoria

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe