Por pbagora.com.br

Por conta dos shows que acontecem na noite desta terça-feira, 31, na orla da Capital na noite de Réveillon, a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP) definiu o plano especial de mobilidade na tentativa de garantir o acesso seguro da população à festa da virada do ano na orla da Capital.

Para isso, partir das 17h, parte das avenidas Almirante Tamandaré e Cabo Branco, bem como o seu entorno, serão bloqueadas ao tráfego de veículos assegurando o acesso e o espaço dos pedestres no local do evento.

Até meia-noite, as pessoas que vêm dos bairros da Zona Sul, utilizando a Avenida João Cirilo da Silva, no Altiplano, no sentido Busto de Tamandaré, deverão priorizar o acesso pela ladeira da Barreira, até a Rua Edvaldo Bezerra Cavalcanti Pinho (Rua da Barreira) para chegar ao local do evento. O acesso de quem vem dos demais bairros deve ser feito pelos corredores Beira Rio, Rui Carneiro e Epitácio Pessoa.

As ruas Índio Arabutan e Desembargador José Augusto Trindade servirão como saída de emergência. Esse trecho será monitorado a partir das 7h da manhã, sendo proibido o estacionamento de veículos na orla a partir da Rua Índio Arabutan até a Rua José Augusto Trindade, garantindo mais tranquilidade e espaço para a população. A partir da Avenida Cairu, até o final do Cabo Branco, o trânsito ficará livre para a circulação de veículos particulares, que deverão retornar pela Avenida Edvaldo Bezerra Cavalcanti Pinho (Rua da Barreira).

Após a meia-noite os agentes de mobilidade vão priorizar o sentido praia/bairros garantindo a fluidez na volta pra casa de quem foi prestigiar o Réveillon na orla.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Justiça frustra pedido de Coriolano e Márcia Lucena para retirar tornozeleira

O Superior Tribunal de Justiça negou nesta quarta-feira, dia 12, os dois agravos regimentais impetrados pelas defesas de Coriolano Coutinho, irmão do ex-governador Ricardo Coutinho e da prefeita de Conde,…

PRF/PB prende homem com veículo fruto de apropriação indébita

O veículo, avaliado em R$ 48 mil, foi adquirido por R$ 15 mil e teria sido utilizado em assalto em Campina Grande A Polícia Rodoviária Federal na Paraíba recuperou em…