Por pbagora.com.br

O comandante do 2º Batalhão de Polícia Militar em Campina Grande, tenente-coronel Lucas, rebateu nota da empresa gestora da edição 2018 do Maior São João do Mundo,. A empresa Aliança, criticou a falta de aparato policial maior no Parque do Povo.

Somente na primeira semana de festa, 32 pessoas foram atendimento no Hospital de Trauma da cidade e relataram que foram vítimas de agulhadas no Parque do Povo.

Para o comandante, a responsabilidade da segurança no Parque do Povo, não é apenas da PM, mas de todos os envolvidos na realização da festa.

– A responsabilidade é de todos que estão envolvidos. Para início de conversa, a revista que é fundamental nesse evento nunca foi feita pela Polícia Militar. Inclusive, a empresa Aliança contratou uma empresa privada, acredito que por um bom valor, para fazer essa revista. Não aceitamos que venha jogar a culpa para cima de nós. Fazemos um policiamento ostensivo dentro do Parque do Povo para evitar brigas, furto e pessoas até usando droga dentro do ambiente – esclareceu.

 

Já o comandante do Comando de Policiamento Regional I, coronel Almeida Martins, fez um balanço dos primeiros dias d’O Maior São João do Mundo e citou que é inegável que a segurança deste ano está maior e que as ocorrências são menores em relação ao ano de 2017.

Em relação aos casos de agulhadas no Parque do Povo, o coronel afirmou que o crescimento da informação tem sido rápido e tem preocupado a polícia, pois, segundo ele, pode ser uma verdade ou uma mentira.

 

O coronel destacou que a polícia foi orientada a prestar todo o apoio a todas as pessoas que procurarem ajuda. Também disse que talvez algumas pessoas tenham receio de procurar a polícia para afirmar que foram vítimas de uma furada e serem julgadas pela sociedade como portadoras de vírus perigosos.

Ninguém da Polícia Militar foi abordado recebendo informações de pessoas que estavam na ambiência furando pessoas. Está se sabendo pelas redes sociais a entrada de pessoas no Hospital de Trauma, mas registrado formalmente temos apenas uma pessoa. A Polícia Militar está toda mobilizada no Parque do Povo, cinco plataformas, cada uma com seis homens – disse.

 

PB Agora

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB: resgates de serpentes em julho dobra com relação a 2019

O Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) resgatou 88 serpentes em julho deste ano, na Paraíba. O número representa mais que o dobro registrado no mesmo mês do ano passado, quando…

Eleições indiretas em Bayeux devem ser realizadas em 10 dias, determina Justiça

Mais uma vez as eleições indiretas na cidade de Bayeux voltam a ter mais um capítulo, mas o desta segunda-feira (03) se encaminha para possivelmente ser o último. É que…