Por pbagora.com.br

Com integrantes na mira da PF e do STF, a Aliança pelo Brasil não decolou. De acordo com o TSE, o partido de Jair Bolsonaro soma apenas 13.550 assinaturas válidas para a sua criação, informa André Spigariol na Crusoé.

Na manhã de hoje, como noticiamos, o empresário Luis Felipe Belmonte, vice-presidente da Aliança, e o publicitário Sergio Lima, marqueteiro do partido, foram alvos de busca e apreensão determinada pelo ministro Alexandre de Moraes. 

Os apoiadores de Jair Bolsonaro têm mais um ano e meio para conquistar ao menos 500 mil assinaturas validadas pela Justiça Eleitoral, em um terço ou mais dos estados brasileiros — sem as quais o TSE não poderá autorizar o registro da Aliança. 

 

Fonte: O Antagonista

Notícias relacionadas

Notas de empenho do Governo Federal atestam que a Paraíba adquiriu testes para Covid com preços de mercado

As compras de testes para Covid-19 feitas pela Secretaria de Saúde do Estado no ano passado, ao contrário do que se informou em alguns blogs de notícias locais, estão rigorosamente…

Campina Grande tem quase 400 vagas de emprego disponíveis

Maioria das oportunidades disponíveis é para atendente de telemarketing, sem experiência comprovada na Carteira de Trabalho  A Prefeitura Municipal de Campina Grande, por meio do SINE Municipal, está oferecendo novas…