Por pbagora.com.br

A partir desta semana, a Energisa oferece mais uma opção para ajudar os clientes a manterem as contas em dia: o parcelamento das contas atrasadas em até 12 vezes no cartão de crédito. O novo serviço é válido para os todos os clientes da Energisa na Paraíba com uma ou mais contas em atraso totalizando até R$ 3 mil. Essa é mais uma forma de pagamento que permite ao cliente maior controle das suas finanças, evitando imprevistos com o acúmulo de contas.

Além do parcelamento pelo cartão de crédito, a Energisa está disposta a analisar as condições dos seus clientes que podem optar por outras formas facilitadas de pagamento com entrada reduzida, descontos e flexibilização das parcelas.
“É um momento sensível para todos e por isso nós estamos buscando as melhores formas para que os paraibanos passem pela crise, gerada pela pandemia, da melhor forma possível, criando condições especiais para cada perfil de consumidor, que pode negociar de forma simples e ágil em todos os nossos canais de atendimento. São negociações personalizadas de acordo com o cliente e parcelas que cabem no seu bolso”, comenta Ricardo Charbel, diretor-presidente da Energisa na Paraíba.

Desde o início da pandemia, cerca de 100 mil clientes do Grupo Energisa já negociaram suas dívidas, aproveitando todas essas facilidades. Na Paraíba foram cerca de 30 mil clientes que aproveitara as facilidades oferecidas e buscaram a empresa para negociar suas contas em atraso. Para ter acesso às condições de parcelamento, o cliente poderá acessar os canais digitais: site, APP Energisa On, Gisa ou call center.

Para negociar pela Gisa, assistente virtual disponível 24 horas por dia pelo WhatsApp, é só escrever Parcelamento e dar início à conversa. Se preferir pelo site, basta acessar a Agência Virtual em https://www.energisa.com.br/paginas/login.aspx, realizar o cadastro e selecionar a opção ‘Negociar Dívida’. No APP Energisa On, só clicar no ícone Parcelamento.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MP orienta prefeito de Ingá anule atos de transferência de servidores

A Promotoria de Justiça de Ingá expediu recomendações ao prefeito de Ingá, Robério Lopes Burity, para que declare a nulidade de atos de transferência de servidores, restabelecendo a prestação de…

Ruy defende economia criativa para movimentar o Centro de JP

Com o objetivo de retomar as atividades culturais em João Pessoa, o pré-candidato à prefeitura de João Pessoa Ruy Carneiro pretende ampliar e consolidar as manifestações artístico-culturais na cidade, com…