O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), descartou participar da reunião para a qual fora convidado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) agendada para amanhã, quinta-feira (14), a fim de resolver o processo de instalação do Grupo Ferreira Costa, maior home center do Nordeste na capital do Estado.

O governador acusou o prefeito de pôr obstáculos ao desenvolvimento da cidade, cujo empreendimento ele teria lutado para trazer para a Paraíba.

Cartaxo se defendeu dizendo que o grupo não cumpriu as exigências legais para a instalação e que a prefeitura tem procurado ser parceira e facilitadora das atividades empresariais no município, mantendo diálogo permanente com os empresários.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Magistrado encaminha denúncia da Calvário pra Justiça Eleitoral e entra em colisão com MPPB

O ex-procurador do estado da Paraíba, Gilberto Carneiro, foi denunciado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) no âmbito da Operação Calvário pelos crimes de concussão e ocultação de bens. De…

Falta água em 13 bairros de JP neste domingo, diz Cagepa

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) realiza neste domingo (19) uma manutenção na rede de abastecimento de água na Rua Rodrigues de Aquino e na Avenida Pedro…