Após feminicídio, o casal morto em motel de Campina Grande começou a ser  velado no mesmo cemitério. Os corpos do casal que morreu dentro de um motel, em Campina Grande, começaram a ser velados no final da tarde desta terça-feira (16 na cemitério que fica BR-104, a menos de 1 quilômetro do motel onde marido e mulher morreram. 

Segundo a Polícia Civil,  Aderlon Bezerra de Souza, de 42 anos, é acusado de ter matadp a esposa Dayse Auricea Alves, de 40 anos, a tiros e depois usado a mesma arma para se matar, segundo a Polícia Civil.  Dayse Auricea Alves era secretária de Educação do município de Boa Vista.

A informação foi confirmada pelo irmão de Aderlon, mas não foi confirmado se os dois serão enterrados no mesmo túmulo.

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Nesta segunda-feira: programação especial marca Dia do Agente de Trânsito

Em Comemoração ao Dia do Agente de Trânsito, celebrado nesta segunda-feira (23), a direção do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) programou uma série de atividades, que terá início às 9h,…

Falta água em Campina Grande e Pocinhos, neste domingo (22)

Dez bairros e um distrito de Campina Grande e a cidade de Pocinhos vão ficar sem água a partir das 8h neste domingo (22). A previsão é que o abastecimento…