Em uma audiência às 15h00 desta quarta-feira (29), com o  governador João Azevêdo (PSB), no Palácio da Redenção e num conjunto de 14 entidades representativas das forças de segurança pública do estado da Paraíba, o presidente da Caixa Beneficente dos Oficiais e Praças e Bombeiros da Paraíba, o coronel Sobreira vai reiterar a reivindicação da incorporação (gradativa) da Bolsa Desempenho nos vencimentos dos inativos e pensionistas da categoria.

Segundo o coronel Sobreira, a Bolsa Desempenho em questão foi criada no então governo Ricardo Coutinho (2011), como forma de compensar os servidores da falta de uma política, sistemática, de reajustamento salarial, mas excluiu os inativos e pensionistas da categoria. Muitos anos depois (agosto de 2019), em contato com as lideranças da categoria, o governador, não apenas teria reconhecido a legitimidade/necessidade da classe, como teria aberto, sobretudo, a perspectiva de um diálogo que poderá, na tarde desta quarta-feira (29), tornar-se almejada realidade.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sete réus em assassinato de radialista na PB vão a júri popular nesta quinta

Sete réus do caso do assassinato do assassinato do radialista Ivanildo Viana vão a júri popular nesta quinta-feira (27) no 1º Tribunal do Júri da Comarca de João Pessoa. A sessão está…

Caso suspeito de coronavírus na PB faz Arquidiocese adotar medidas preventivas

A Arquidiocese da Paraíba fez uma recomendação para os fiéis que participam de celebrações no Estado para que evitem alguns contatos em missas após caso suspeito de coronavírus. Com o primeiro…