A Paraíba o tempo todo  |

Bolsonarista raiz, Moacir condena possibilidade de diálogo entre João e Romero e radicaliza: “Direita é progresso, esquerda atraso”

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O deputado estadual Moacir Rodrigues (PSL), defensor raiz do bolsonarismo na Paraíba, reagiu a possibilidade de abertura de diálogo entre o ex-prefeito Romero Rodrigues, do PSD (seu irmão) e o governador João Azevêdo (Cidadania), após o gestor admitir que não vetará conversa com quem quer que seja, inclusive Romero.

O parlamentar disse que se depender dele, essa aproximação não acontecerá. Moacir ainda fez uma analogia de que direita prega o bem enquanto esquerda prega o mal.
“Eu não vejo nenhuma possibilidade (de diálogo entre João Azevêdo e Romero Rodrigues). Hoje nós estamos em polos diferentes, nós queremos uma Paraíba com água, com crescimento e com desenvolvimento, eles defendem a indústria da seca, a esmola e a fome do povo para manter o povo escravizado, essa é a política da esquerda no Brasil e na Paraíba, por isso vou trabalhar para que Romero permaneça no centro direita para direita.”, disparou.

Apesar da declaração, Moacir deixou claro que respeita a decisão do governador João Azevêdo, mas entende que como ele faz parte da esqueda, ele representa o atraso.
“Primeiro lugar é uma opinião, respeito a opinião do governador, mas eu acho que o Brasil está entre os dois polos, entre a direita e a esquerda, entre quem quer o desenvolvimento e quem quer o atraso. João está com a esquerda, João quer o atraso. Vemos aí o índice de desemprego cair no Brasil, 317 mil empregos criados no mês de agosto, o que foi criado na Paraíba a não ser fome, falta de água e miséria”, emendou.

Moacir ainda garantiu que Romero é candidatíssimo ao Governo da Paraíba e não dará marcha à ré na postulação. As declarações do parlamentar repercutiram em entrevista ao programa Arapuan Verdade nesta sexta-feira (1º).


PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe