Por pbagora.com.br

Em assembleia geral extraordinária realizada no auditório do Sindicato dos Bancários da Paraíba, localizado em João Pessoa, Capital da Paraíba, na noite de ontem,  a categoria decidiu rejeitar a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresentada em rodada de negociação da terça-feira (7), que ofereceu reajuste baseado na reposição da inflação acumulada.

A partir de agora, os bancários vão avaliar novas propostas e, por enquanto, a única ação em resposta será o retardamento da abertura de agências bancárias da Grande João Pessoa amanhã, sexta-feira (10).

Segundo o presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba, Marcelo de Lima Alves, as agências que abrem às 10 horas abrirão apenas às 11 na sexta-feira.

Ele não especificou se todas as unidades bancárias da Região Metropolitana de João Pessoa seguirão a determinação.

Uma nova rodada de negociação nacional ocorrerá ainda no dia 17 deste mês. O que for decidido nacionalmente determinará o posicionamento do sindicato local.

A expectativa é que, se houver greve, que seja iniciada apenas em setembro.

 

PB Agora

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Notícias relacionadas

Conde mantém testagem e vacinação contra a Covid no final de semana

A prefeitura de Conde, através da Secretaria de Saúde, mantém a testagem e vacinação e contra a Covid-19 neste final de semana dos trabalhadores da Educação e da Saúde. Também…

A pedido do MPT-PB, Juliette grava vídeo contra exploração do trabalho infantil

“No Ano Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil, lute você também para que todas as crianças e adolescentes tenham o direito a uma infância sem trabalho. A infância foi…