Devido a preocupação com o avanço do coronavírus, os bancários de Campina Grande querem limitação de clientes dentro de bancos. O presidente do Sindicado dos Bancários de Campina Grande, Esdras Luciano Cabral, disse, em entrevista à Rádio Campina FM, que até o momento a Federação Nacional dos Bancos está se limitando a seguir as orientações da Organização Mundial da Saúde, e não está abrindo sua responsabilidade para definir como será o atendimento no dia a dia das agências, com relação à pandemia de coronavírus.

Como forma de prevenir contra o coronavírus, o sindicato apresentou, através de videoconferência com a Fenaban, demandas dos bancários de Campina Grande em prevenção ao Covid-19. Entre elas estão a liberação de funcionários que estejam inseridos no grupo de risco, a disponibilização de equipamentos de proteção individual e a realização de contingenciamento de pessoas para que não haja aglomerações dentro das agências.
– Em nível local estamos buscando que as administrações das agências, diante da demanda do final do mês com pagamento de servidores estaduais e municipais, possibilitem aos funcionários luvas, máscaras e álcool em gel para cada mesa. Outra ideia é fazer o contingenciamento de pessoas, limitando a entrada de dez em dez clientes, em cada setor, para evitar aglomerações – disse.

Diante desse fato, o sindicalista ressaltou a importância do poder público municipal, através do Procon, evitar a aplicação de multas, em decorrência de possível descumprimento da lei municipal que dispõe sobre um tempo limite nas filas, pelo menos neste período de crise contra o coronavírus, no sentido de viabilizar o atendimento através de limitação de clientes dentro dos bancos.

Ele ainda disse que o horário de funcionamento das agências segue em horário normal, mas que é preciso que a população evite a ida aos bancos, se limitando a fazer as transações permitidas através do internet banking. Dessa forma, de acordo com ele, evita a exposição do cliente como também dos profissionais bancários.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Shoppings, academias, salões, restaurantes e bares seguem fechados em JP

Medida é válida por 15 dias; Clubes sociais, congressos e exposições seguem suspensos na capital paraibana A Prefeitura de João Pessoa prorrogou, em publicação divulgada nesta sexta-feira (03), o decreto…

Tempo deve permanecer com nebulosidade variável na Paraíba

Nos próximas horas, o tempo deve permanecedr com nebulosidade variável na Paraíba e favorável à ocorrência de chuvas em áreas isoladas da faixa litorânea. Pelo menos é que que prevê…