O sistema de coleta de lixo domiciliar vai mudar em vários bairros de Campina Grande a partir desta segunda-feira (1º passando do período diurno para o noturno. A informação é da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma), que já iniciou esse procedimento em alguns pontos de coleta da cidade.

As mudanças ocorrerão nos bairros do Tambor, Distrito dos Serviços Mecânicos, Jardim Paulistano e parte do Rosa Cruz. Nesses bairros a coleta permanecerá às segundas, quartas e sextas-feiras, sendo que partir das 16h, concluindo os trabalhos no final do dia.

E nos bairros Jardim Tavares, parte do Alto Branco, Conceição, Louzeiro, parte da Palmeira e no conjunto do Alto da Serra, onde atualmente a coleta acontece nas terças, quintas e sábados, foram mantidos os mesmos dias, mudando o horário para o final da tarde e noite.

O secretário de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, Geraldo Nobre Cavalcante, explicou que as mudanças são necessárias e estão ocorrendo nas cidades de grande e médio porte, a exemplo de Campina Grande. “O município precisa urgentemente dessas alterações e se adequar, ainda mais, na questão de mobilidade urbana, aumentando a eficiência na qualidade e pontualidade nos serviços”, disse.

Geraldo Nobre ressaltou que a Sesuma, após estudos, análises e por decisão do prefeito da cidade, Romero Rodrigues, constatou que os serviços prestados na coleta domiciliar urbana, feita “porta a porta”, precisavam ser transferidos do período diurno para o noturno. E essa mudança, afirmou Nobre, acontecerá a partir desta segunda-feira.

Redação com G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Árvore cai em cima de caminhão e interdita trecho da Epitácio Pessoa

Uma árvore caiu em cima de um caminhão no início da tare desta terça-feira (07) no cruzamento da Avenida Epitácio Pessoa com a Prefeito José Leite. Ainda não há informações…

Localizado ponto usado pelo tráfico para armazenar armas e drogas

A Polícia Militar localizou uma casa abandonada que era usada pelo tráfico como ponto de apoio para armazenar armas e drogas, na comunidade do Castelinho, que fica na divisa das…