A Paraíba o tempo todo  |

Associação Paraibana de Imprensa lamenta morte do jornalista Lelo Cavalcante

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A Associação Paraibana de Imprensa (API) lamenta profundamente o falecimento do jornalista Lelo Cavalcante. De acordo com informações preliminares, ele foi vítima de um infarto. O profissional morava sozinho em uma granja, no município de Pedras de Fogo.

Profissional experiente, Marcus Aurelius de Mendonça Cavalcante, atuou por muitos anos no jornal Correio da Paraíba nas décadas de 1970 e 1980. Nos anos 1990, coordenou a assessoria de imprensa do Comando Geral da Polícia Militar. Há vários anos trabalhava no seu próprio site, o www.jampanews.com.

Lelo Cavalcante era um profissional de um texto impecável. Em uma de suas missões profissionais integrou equipe de assessoria de campanha política do então candidato a governador José Maranhão. Também foi colunista político do jornal O Combate, fundado pelo jornalista Jório Machado. Na Rádio Sanhauá, fez o programa “Paraíba em Foco”.

A API se solidarizou com a família e amigos neste momento de profunda dor, na certeza de que o talento de Lelo fará falta à Paraíba.

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe