Por pbagora.com.br

Após o prefeito de São João do Tigre, Célio Barbosa, ter permitido um show na cidade para comemorar a eleição do candidato apoiado por ele nas eleições deste ano, o que culminou com aglomeração no município, o Ministério Público Federal (MPF) solicitou que o gestor explique o evento.

Inicialmente as informações era de que o próprio Célio teria promovido a festa, mas a assessoria informou que o show foi realizado pela coligação e pelo candidato eleito Márcio Leite (Republicanos).

O show da banda Cavaleiros do Forró, aconteceu no último sábado (21). O grupo musical também foi notificado.

O prefeito tem um prazo de 10 dias para informar como o serviço foi pago à banda, de onde os valores foram retirados e se foi utilizada verba pública. Além disso, também foi solicitada a apresentação das autorizações sanitárias para realização do evento.

PB Agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Moradores de CG só poderão agendar atendimento na Defensoria Pública pelo Chat

O Núcleo Regional de Atendimento da Defensoria Pública do Estado (DPE-PB) em Campina Grande passou a atender exclusivamente de forma presencial, mas para evitar aglomerações, especialmente entre aqueles que procuram…

200 cidades paraibanas estão com bandeira amarela no Plano Novo Normal

O Governo da Paraíba publicou, neste sábado (23), a 17ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba que passa a vigorar a partir desta segunda-feira (25) (https://paraiba.pb.gov.br/diretas/saude/coronavirus/novonormalpb ). O documento aponta que…