Por pbagora.com.br
 
 

Nas eleições de 2018, apesar de cotados, nem o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) nem o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), arriscaram renunciar seus mandatos para concorrer à disputa pelo Governo da Paraíba. Passados dois anos, com o encerramento do mandato, essa lógica agora é outra.  Em entrevistas, tanto um quanto o outro tem admitido a possibilidade de entrar na disputa pela sucessão estadual em 2022.

Romero, que conseguiu eleger o sucessor já no primeiro turno do pleito avisou que seu nome está à disposição para disputar o Governo em 2022.

“Conseguimos realizar muito numa cidade que é grande com receita de cidade pequena e esse modelo nós podemos oferecer a Paraíba inteira de forma serena, sem imposição, dialogando com a população. Se for da vontade de Deus e do povo, nosso nome está à disposição, “garantiu Romero.

Mas, Cartaxo, que diferentemente de Romero não conseguiu levar a sua candidata sequer para o segundo turno, não está morto politicamente e também não tem descartado a possibilidade de disputar o governo do Estado, em 2022.

Em entrevista esta semana ele lembrou do histórico político e dos números da gestão como abonadores de uma eventual disputa estadual. Cartaxo foi vereador, vice-governador, deputado estadual e prefeito da capital.

“E enfrentamos com bons resultados e estamos deixando também a prefeitura com investimentos em caixa, salários dos servidores em dia, equacionados os problemas dos precatórios… eu diria que a gente tem uma experiência administrativa muito importante para contribuir com este estado”, disse Luciano Cartaxo.

 

 

PB Agora

 
 
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PBGÁS inicia obras de expansão da rede de gás natural no Bessa

A Companhia Paraibana de Gás (PBGás) iniciou esta semana as obras de implantação da rede de distribuição de gás canalizado nos bairros do Bessa e Jardim Oceania, em João Pessoa.…

ALPB encerra biênio com a maior produtividade de sua história com mais de 12 mil matérias aprovadas

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) encerrou este biênio com a maior produtividade da sua história. Entre requerimentos, projetos de Lei, projetos de Resolução, vetos e Medidas Provisórias, a Casa…