A Paraíba o tempo todo  |

ALPB lamenta morte do advogado e procurador Paulo Agra

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, em nome de todos os parlamentares e servidores da Casa de Epitácio Pessoa, vem a público lamentar a morte do advogado e procurador municipal de Campina Grande, Paulo Agra.

Paulo Roberto da Costa Agra tinha 67 anos e não resistiu às complicações da covid-19. Ele estava internado em um hospital da Rainha da Borborema, chegou a receber alta no último final de semana, mas retornou para a unidade hospitalar após agravamento do seu estado de saúde e não resistiu.

O advogado foi procurador de carreira na Prefeitura de Campina, onde ingressou em 1983. Também foi presidente do Campinense Clube em 1977.

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe