A advogada Laura Berquó foi condenada pelo juiz Cláudio Antônio de Carvalho Xavier do 5º Juizado Especial Cível de João Pessoa, a pagar uma indenização no valor de R$ 15 mil por danos morais por conta da propagação de ofensas através das redes sociais contra a honra do também advogado, Iarley Maia.

De acordo com Iarley, Laura fez algumas acusações sobre questões envolvendo a Igreja Católica na Paraíba, precisamente quanto a Arquidiocese, imputou a ele algumas condutas que, no mínimo, extrapolaram os bons costumes e atingiram, de forma ilícita e injusta, frontalmente a sua reputação e a de outras pessoas, inclusive autoridades civis e religiosas.

As declarações foram veiculadas em um blog da advogada, por áudios e no seu interrogatório que ela veiculou na sua página no Youtube.

“De fato, o episódio narrado nos autos enquadra-se nas hipóteses de dano moral gerado em virtude de ato lesivo à honra agravado pelo componente do preconceito e da discriminação” diz trecho da decisão, que acrescenta:

“No caso concreto, restou clara a intenção da parte promovida em atingir a honra do promovente”.

A advogada chegou a abrir pedido contraposto, que foi julgado improcedente pelo magistrado.

Essa não é a primeira vez que Laura é condenada por declarações feitas em seu blog, no último mês de janeiro ela foi condenada na Comarca de Queimadas a seis meses de prisão que foram revertidos ao pagamento de uma multa, por calúnia. Anteriormente ela havia sido demitida dos quadros da Unipê por outra condenação pelo mesmo crime. Contra ela pesam mais de vinte processos na Justiça.

Para Iarley Maia, a condenação de Laura Berquó põe uma pedra em uma situação que lhe trouxe inúmeros tormentos.

“Essa decisão é muito importante e seria para mim, porque Deus sabe os tormentos e o que eu passei com esses insultos” disse.

Veja a decisão completa no link abaixo:

Proc. 0847497-04.2017.8.15.2001

 

PB Agora

Total
2
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Manoel Ludgério passa bem após ser internado com problemas cardíacos

O deputado Manoel Ludgério (PSD) foi hospitalizado, no final da tarde desta terça-feira (20), no Hospital Antônio Targino, em Campina Grande (PB), após apresentar um problema cardíaco. A informação foi…

Empresas de ônibus em CG também são notificadas durante fiscalização

Nove empresas de ônibus foram notificadas durante uma fiscalização realizada nesta terça-feira (20) pela Receita Fiscal no Terminal Rodoviário de Campina Grande. O objetivo da operação “Bilhete Seguro” foi verificar…