Segue foragido o homem suspeito de ter assassinado uma professora de Capoeira, no Parque da Liberdade, em Campina Grande, no final da tarde de ontem, sábado (01). A vítima tinha 43 anos e foi atingida por pelo menos cinco tiros, no rosto e na cabeça, na frente de vários alunos.

Ela morreu no local, antes mesmo do socorro chegar.

Testemunhas disseram à polícia que o homem teria fugido do local de mototáxi.

A motivação, tal como a autoria seguem sendo investigadas.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vídeo: PRF na Paraíba prende homem por tentativa de corrupção para liberar veículo

Vídeo mostra momento em que homem oferece R$ 200,00 aos policiais para suborbar os policiais e não ter o veículo removido para o pátio da PRF. O homem foi multado…

Menino que comoveu o mundo com vídeo sobre bullying entra em campo com time de rugby

O menino de nove anos que comoveu o mundo ao protagonizar um vídeo no qual expõe sua tristeza pelos atos de bullying contra ele foi homenageado durante uma partida de…