A prisão foi realizada pela PRF em Teófilo Otoni, interior de Minas Gerais, após trabalho realizado por policiais rodoviários federais e civis da Paraíba

Ação conjunta da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Civil da Paraíba prendeu na tarde desta quinta-feira (21), em Teófilo Otoni, interior de Minas Gerais, homem acusado de matar o próprio sogro em Aroeiras, região metropolitana de Campina Grande na última terça-feira (19).

O homicídio foi registrado no último dia 19 de novembro, na zona rural de Aroeiras, Agreste Paraibano. Um agricultor foi morto a tiros e o acuso empreendeu fuga. Após investigações da Polícia Civil com apoio da PRF da Paraíba foi possível chegar ao possível autor dos disparos menos de uma semana após o crime. O acusado, um homem de 37 anos que, por vingança da ex-mulher, saiu do Estado do Rio de Janeiro com destino a Paraíba para assassinar o ex-sogro.

Agentes da PRF da Paraíba repassaram as características do veículo utilizado no crime para as Unidades Operacionais da instituição que poderiam estar na rota de fuga. O veículo utilizado no momento do crime, um VW Crossfox, foi abordado pela PRF em Minas Gerais, na BR 116, km 278, em Teofilo Otoni. Durante a fiscalização, o condutor do veículo demonstrou extremo nervosismo ao ser questionado pelos policiais sobre o motivo da viagem, tendo o mesmo tentado fugir correndo sendo detido após alguns metros.

No interior do veículo foi localizada a quantia de mais de R$ 73 mil, sendo que o homem detido não soube explicar a origem do dinheiro. Também foi localizado um coldre para arma de fogo vazio. O homem detido acabou confessando o crime. A Justiça da Paraíba emitiu um mandado de prisão preventiva na tarde de hoje. O homem foi encaminhado à Polícia Civil de Minas Gerais.

 

Redação com PRF

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Nota Cidadã: compras realizadas até 30 de abril concorrem a R$ 60 mil

As compras realizadas entre 1º e 30 de abril nos estabelecimentos comerciais do Estado da Paraíba, com o número do CPF inserido na nota fiscal, vão concorrer ao 5º sorteio…

Quase 30 estabelecimentos são autuados em JP por descumprir quarentena

A Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor inspecionou mais nove supermercados em João Pessoa para conferir denúncias de alta de preços em feijão, arroz e açúcar e já…