Por pbagora.com.br

A catástrofe provocada pelas chuvas de monção no Paquistão, que deixa até o momento mais de 800 mortos, uma centena de desaparecidos e um milhão de afetados, vai em direção ao Sul do país, segundo anunciaram fontes oficiais neste domingo (1o).

O diretor de operações da Autoridade Nacional de Gestão de Desastres, Amre Siddique, avisou que as regiões do Sul correm maiores riscos de inundações.

O temor é de que o rio Indo transborde, o que levou o governo a começar os "preparativos para esse caso". A Província de oriental de Punjab é o foco das maiores preocupações.

Um porta-voz da Autoridade de Gestão de Desastres de Khyber Pakhtunkhwa, Yasser Hayat, disse que a situação é "extrema" e que a monção trará fortes chuvas de amanhã até o próximo dia 6, na zona oriental e sulina do país.

R7
.